2 de ago de 2013

Entrevista: Aretuza Lovi e Daniel Peixoto

Gays Popstars

Uma conversa bem bacana pode ser vista nesta quarta-feira no programa Gabi Quase Proibida (SBT), com os artistas Aretuza Lovi e Daniel Peixoto. Marília Gabriela passeia por diversos assuntos, incluindo diversidade sexual, comportamento, sexualidade, mercado e público LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais) - este último também podendo se ampliar para LGBTT, incluindo Transgêneros.

Ou ainda LGBTTs com os Simpatizantes, e LGBTTI com a Intersexualidade (androgenia ou, vulgarmente falando, hermafroditas). E como disse a própria Gabi, depois dessa "sopa de letrinhas", eles conversaram sobre os trabalhos de cada entrevistado, seus vídeos virais na internet, planos e sonhos, suas histórias pessoais, referências artísticas e, claro, sexualidade. Aretuza conhecida pelo vídeo Striptease e Daniel pela trilha sonora na novela Lado a Lado (Globo).

Entrevista: Gabi Quase Proibida - Daniel Peixoto e Aretuza Lovi - Completo



Em relação ao público deste segmento LGBT..., o discurso foi de querer atingir justamente todos os públicos, diferente do segmento heterossexual (ou HT, pra combinar com as "letrinhas"), que só cria produtos para HTs. Novelas, músicas, roupas, perfumes... e tudo que existia para comprar (abertamente) era bem definido entre masculino e feminino - inclusive nossos ídolos. Mas aqui a história muda para ídolos gays, com público variado, e incluindo os heteros.

Com a globalização e a consequente comunicação sem censura, as pessoas viram na internet que tem um monte de outros iguais a elas, se identificando com os mesmos sentimentos, sem depender do que sempre ditavam as gravadoras, emissoras de TV, rádios, revistas, editoras, distribuidoras... O mundo viu que é bem maior do que pensava e muito mais diversificado, consolidando a presença desta diversidade no dia a dia, inicialmente nas grandes metrópoles.

Hoje é cada vez mais comum ver, conhecer e conviver com gays, público que a drag queen e tecnobrega Aretuza Lovi define como "um pessoal bem divertido, não tem essa formalidade", referindo-se por último aos HTs. Ou como Daniel ressalta: "todo mundo tem um gay na família, isto é fato".

Daniel Peixoto, começou a carreira artística trabalhando de modelo, no auge dos anos 90, onde a androgenia reinava nos editoriais e desfiles de moda. E ele conta: "quando o trabalho era de moda, o apelo era para uma forma 'ambígua', mas se o comercial era para TV, me colocavam de rapazinho". E o ex banda Montage, revela seus ídolos: David Bowie, Madonna e artistas da MPB (Caetano Veloso, Ney Matogrosso...). Já eu, fiquei apaixonado pelos dois. Lindos, inteligentes, interessantes (com conteúdo) e elegantíssimos.

Daniel Peixoto feat. George M - Olhos Castanhos (tema da novela Lado a Lado)


Aretuza Lovi - Striptease

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário ou envie sugestões, fotos e vídeos para homemrg@gmail.com