9 de ago de 2013

Doc: Leve-me pra Sair (e os jovens gays)

Ser gay te define?

Postagem sugerida pelo leitor Renato Fidelis
Envie sua sugestão p/ homemrg@gmail.com

Leve-me pra Sair (2012) é um documentário que retrata um grupo de adolescentes gays e suas visões de mundo. São depoimentos de 10 jovens entre 16 e 18 anos, chamando atenção tanto para questões sérias como política, quanto para outras bem divertidas - as gírias gays, por exemplo.

Já havia citado este documentário na postagem Diferença entre Gay e Homossexual, mas vale mesmo a pena destacá-lo separadamente. Com temática gay, Leve-me pra Sair fala de termos e gírias desta cultura, identidade de gênero, sexualidade, entre outros assuntos focalizados nos gays e lésbicas jovens. Assista ao documentário completo Leve-me pra Sair (19 min):


"Para esses jovens, ser gay, bissexual ou lésbica, é um grande problema? Qual a idade ideal para sair do armário e assumir sua homossexualidade? Eles sofrem homofobia, preconceito? O termo "opção sexual" faz sentido? O mundo está mudando pra melhor? Ser gay pode estar se tornando um traço de personalidade como outro qualquer, como ser moreno, gostar de rock ou saber imitar aquele apresentador engraçado da TV? Uma abordagem intimista sobre a homossexualidade de um grupo de jovens da cidade de São Paulo." Coletivolumika


A nova geração de gays da Geração Y e Z (veja nota de rodapé) ainda sofre preconceitos, ataques homofóbicos..., porém com um orgulho mais consolidado e cada vez mais esclarecido, comparando com as gerações anteriores.

Em um passado nem tão distante, assumir-se gay para a família e perante a sociedade era coisa pra cabra muito macho - a grande maioria ficava bem escondida dentro do armário de casal hetero, com filhos e tudo. Com o tempo e com a globalização (a liberdade no acesso à informação), as novas gerações foram gradativamente ganhando confiança e orgulho (boa autoestima), sabendo que o que sentem não é doença, e que não estão sozinhos. O Orgulho Gay das paradas em São Paulo, Nova York e praticamente do mundo todo, teve um papel bem maior que as festas que são feitas nas ruas e avenidas: o papel da identificação ('tem um monte de gente igual a mim!').

Assim, o documentário do Coletivo Lumika traz o universo gay de 10 jovens, com depoimentos de meninos e meninas que contam sobre suas impressões sobre o mundo, sobre como acham que o mundo os vê, ou a ideia que fazem de si mesmos.

Identidade de gênero, objeto de desejo, códigos culturais (gírias), rótulos, ídolos, identificação cultural... e tudo que possa definir as várias facetas gays. Se a sexualidade vem a frente de tudo e o que paira ao redor disso. Relações familiares, assumir ou não, direitos coletivos e individuais igualitários, política e conscientização na ideia de justiça, igualdade e liberdade sexual.


NotaGeração Y ou geração Internet 1, também chamada de geração do milênio, são os nascidos após 1980, sendo a Geração Z, a garotada nascida depois dos anos 90. Este é um conceito em sociologia bastante aplicado na gestão das empresas e seus recursos humanos. Essa geração se desenvolveu numa época de grandes avanços tecnológicos e prosperidade econômica. Os pais, não querendo repetir o abandono das gerações anteriores, encheram-nos de presentes, atenções e atividades, fomentando a autoestima de seus filhos. Eles cresceram vivendo em ação, estimulados por atividades, fazendo múltiplas tarefas.

É comum que os jovens dessa geração troquem de emprego com frequência em busca de oportunidades que ofereçam mais desafios e crescimento profissional. Uma de suas principais características é a utilização de aparelhos de alta tecnologia, como telefones celulares de última geração (telefones inteligentes) para muitas outras finalidades além de apenas fazer e receber ligações, como foi característico para as gerações anteriores. Aliás, esta geração não curte falar ao telefone e, sim, teclar, ou ainda, simplesmente ficar navegando na web tocando sem parar a touch screen. Definição adaptada do Wikipédia.

Um comentário:

  1. Obrigado por ter publicado minha sugestão.
    Seu blog é 10!!! Ele se diferencia da maioria dos outros blogs gays, pois aqui não tem só sexo e putaria, mas tem informação e cultura também.
    Mais uma vez, Parabéns pelo blog!!!!
    Abração!!!
    Renato

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu comentário ou envie sugestões, fotos e vídeos para homemrg@gmail.com