11 de jul de 2013

Cinema: The Big Gay Musical

Aceitando a Criação

The Big Gay Musical é um longa-metragem de 2009 (EUA), revivendo no cinema algo que nos palcos parece também querer ser cinematográfico. Grandes cenários, produções, equipes, elenco, bailarinos, histórias... toda a sistemática para a execução de um trabalho artístico envolvendo tanta gente - sem falar nos encontros proporcionados nos ensaios e turnês.

Dirigido por Casper Andreas e Fred M. Caruso, este último também autor do filme, estrelando Lena Hall, Daniel Robinson, Joey Dudding... A música é de Rick Crom, no tom alegre da temática gay, que traz cenas românticas, de beijo, semi-nus, e muito humor nesta divertida comédia musicada. Mas também dramas bastante corriqueiros, principalmente nos dias de hoje, relacionados à aceitação das pessoas ao que seria diferente delas (a intolerância de fundamentalistas religiosos e a cultura machista).

Filme The Big Gay Musical (Completo Legendado)


Sinopse

O filme é uma hilária história de backstage do mundo dos musicais, com dramas, romance, religiosidade, pecado, saída do armário e até anjos e Deus são colocado no enredo da comédia musical.

A arte imita a vida e Eddie e Paul (Adam e Steven) são gays e também buscam o amor. Eddie sai do armário e enfrenta o ódio de sua família, enquanto Paul é mais descolado. Até que depois de terapias de conversão, retiros espirituais e outras situações inusitadas e frustradas, eles veem que é preciso aceitar o que Deus criou.

Ao longo do filme, há uma série de números musicais com toque de dança, anjos, uma releitura da narração do Gênesis, protestos dos televangelistas, tentativas de transformar meninos gays em héteros... E assim vai até o final do filme, com os personagens percebendo cada vez mais que a vida seria melhor vivida se eles apenas aceitassem a forma como são.





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Este comentário poderá ser publicado no novo site homemrg.com