29 de out de 2013

A beleza do homem feio

É feinho mas é gostoso!

Sabemos que beleza é uma questão bem particular, podendo ser interpretada por diversos pontos de vista. Além disso, padrões de beleza podem ser impostos por um direcionamento comercial (moda), ou simplesmente ser a preferência de um determinado grupo ou cultura. Por outro lado, tem gente que prefere justamente quem é considerado feio, seja por fetiche, fantasia sexual ou por achá-los bonitos de fato, na direção contrária do que pensa a maioria.
Foto: os irmãos Rodrigo Nogueira (Minotauro) e Rogério Nogueira (Minotouro) do UFC / MMA.

O padrão de beleza utilizado e, consequentemente, imposto pela publicidade fica longe do que encontramos nas ruas - nas pessoas comuns. Tanto é, que até costumamos dizer 'parece artista de cinema / novela' quando nos deparamos com alguém de beleza excepcional. Esta, por sua vez, atrelada aos modelos colocados pela grande mídia como exemplo de beleza. Para os feios, e quando arrumadinhos, restam os adjetivos simpático, charmoso, tipão, elegante ou... bonitinho, gostosinho... sempre com 'inho' ou com 'ão', já alertando que não é tão bonito assim (se não seria apenas lindo!).

 Rodrigo Nogueira, o Minotauro do UFC
O cidadão comum é comum por não ter tratamento diferenciado, como efeitos de iluminação e ângulos fotográficos estratégicos e privilegiados, maquiagem, Photoshop, plásticas embelezadoras, podendo, porém, ser também bem interessante ou até mais bonito - afinal, gosto não se discute.

O fotógrafo Jenny Francis, em parceria com o jornal The Sun, realizou um ensaio com homens comuns no papel de belos e famosos em campanhas publicitárias.

Estes modelos não profissionais, leitores do The Sun, posaram com o mesmo figurino e as mesmas poses que os modelos celebridades. Foram quatro homens corajosos que serviram de comparação com os astros dos comerciais Cristiano Ronaldo, David Gandy, Freddie Ljunberg e David Beckham.

O resultado não deixa de ser uma crítica bem humorada sobre a citada imposição de modelos de beleza e sensualidade, com suas barrigas tanquinho, haja vista que os ensaios escolhidos eram de campanhas de cuecas!

Também pode ser um incentivo para a elevação da auto-estima das pessoas comuns, com o subtexto alegando que a beleza é múltipla, dependente do observador, ou simplesmente que existe uma excessiva artificialidade na ditadura da beleza.  Veja as fotos que comparam os belos e famosos a homens comuns:









Particularmente, acho que o verdadeiro homem bonito é necessariamente feio, partindo pelo então padrão de beleza que, mesmo masculino, é assemelhado a formas femininas (e a própria palavra é feminina). Talvez pela nossa história, que quase sempre traduziu a alta beleza na figura de uma mulher. Suas formas arredondadas, traços finos e semblante de coitadinha ou indefesa, foram utilizadas por séculos, desde as divindades primitivas.

O ator Chico Díaz
Na Grécia Antiga, novamente o suprassumo da Estética se mostrou através de musas e ninfas, sempre belas e poderosas. Por outro lado, os homens, e também desde os primórdios, a simbologia para demonstrar um herói foi por figuras musculosas (força e poder), comportamento selvagem, agressivo, e com fisionomia assustadora - para os gregos, entre minotauros, Cratos, Morfeu, etc., figuras correspondentes àquelas ninfas e musas ganham aparência mais sombria e intimidadora.

Ou o maior ídolo do mundo, Jesus Cristo, ícone da bondade e beleza com seus cabelos longos e olhar luminoso e complacente. Assim, podemos inserir neste momento outro determinante de beleza: a moda! Se olharmos as publicidades dos anos 80, por exemplo, os homens, inclusive os modelos profissionais, eram quase sempre parecidos como os homens das cavernas, peludos e com traços brutos. Já na década seguinte, anos 90, a moda clean trouxe um visual mais limpo, rosto liso, corpo liso (depilado)... e a androgenia de homens com cara de moça, com os traços bem mais delicados.

Se para ser considerado um homem bonito é necessário manter um visual masculino (e não feminino), é bem mais comum então depararmos com este tipo de beleza naqueles que, se olharmos bem, são feios. O que torna este homem bonitinho (feio arrumadinho) ou bonito de fato, é a harmonia na sua aparência, mesmo com traços desconcertantes ou desajeitados, além da sensualidade que pode fazer qualquer um ficar realmente belo.   Veja outros exemplos de homens feios, porém... :

Milhem Cortaz

Adam Sandler

Eduardo Moscovis

Johnny Deepp

José Loreto

Thiago Martins

Marcelo Faria
Fred
Snoop Dogg



E antes que entro em outra postagem, abro só mais um pequeno parênteses para os que tem como tara, ou fantasia sexual, transar com homens feios, seja pelo fato de utilizar a própria beleza como uma chibata (no feio masoquista), pelo prazer no asco ou nojo, por compaixão, ou pela contemplação que o feio pode dar como prazer ao exibicionista extremamente belo.

2 comentários:

  1. Marcelo Faria, feio? Aham! Senta lá, Cláudia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. betty faria linda tbm!!!! tesao no chico diaz e milhem cortaz os mais tesudos. faria todos citado no post. faltou ronaldinho gaúcho aquele gostoso

      Excluir

Deixe aqui seu comentário ou envie sugestões, fotos e vídeos para homemrg@gmail.com