1 de nov de 2014

Dogging: trepando na rua feito cachorro

All men r dogs!

As autoridades italianas estão preocupadas com uma nova onda, praticada por moradores de diferentes partes do país, principalmente entre os mais jovens. É que muitos estudantes estão utilizando o app Tinder, rede social que localiza pessoas próximas com interesses em comum, para marcarem encontros e sexo no meio da rua.

E parece ser uma tendência mundial, onde os adeptos do atual Dogging fariam a pegação antes mesmo de saírem de casa.

A moda sexual Dogging tem repercutido na imprensa da Itália por causa de imagens e vídeos mostrando casais transando em becos, praças, parques, supermercados e lojas, entre outros locais públicos e ao ar livre, de várias cidades e a qualquer hora do dia.

A prática associa exibicionismo e a adrenalina em fazer algo proibido ("atentado ao pudor"), transgredindo regras - o tesão está em transar e gozar fora das quatro paredes, ainda que a intenção seja de que ninguém ao redor perceba. Dependendo do que o local permitir, a relação varia entre uma simples manjada até o sexo completo, podendo, por sua vez, o orgasmo acontecer a qualquer tempo ou situação. Imagine um boquete na piscina do clube, bem despistado pra galera não notar:


Public gay blowjob on the streets brought to you

Dogging orgy



Na linguagem pornô, Cruising ou cruzeiro / passeio / footing seria o mesmo que a pegação feita em lugares públicos. Ou seja, ficar dando sopa em um lugar, à procura de sacanagem. Dogging é uma prática sexual ou modalidade que, geralmente, consiste num ato público (ou semi) ou em público (exibição).

É um misto de voyeurismo e exibicionismo, e se baseia no prazer do sexo alcançado com mais intensidade, devido ao fato de desconhecidos estarem olhando tudo de muito perto ou ao risco disso.

Na versão GangBang, curiosos são encorajados a ficarem olhando e ordenando, o que aumenta a excitação sexual de quem participa da "reunião do prazer" em público - dando igual uma cadela, em algumas práticas o dog em questão usa até coleira e focinheira. Assim como os cachorros, trepam no meio da galera, sem nenhum pudor. Para os cães, basta ficar com tesão que o sexo pode acontecer um qualquer lugar, diferente de outros animas que preferem fazer essas coisas escondido.


Esta prática erótica começou na década de 1970, na Inglaterra, uma espécie de resposta hippie, dos libertários, e está se consolidando no mundo todo, principalmente diante às facilidades das redes sociais e aplicativos de paquera. As relações acontecem, geralmente, em lugares públicos um tanto ermos, com pouca iluminação, abandonados... Ou no meio de lojas movimentadas, transporte coletivo, hipercentro, na luz do dia, desde que em nichos reservados, nas quebradas discretas, como nos bequinhos criados por carros estacionados, descampados e matas (as moitas), atrás do balcão ou do muro... De forma totalmente explícita ou com uma certa segurança para praticar o que seria, para a maioria das culturas, um insulto.

Assim, fazer sacanagem no estacionamento ou com o carro estacionado em uma área pouco mais reservada ou em via pública, é uma das modalidades de dogging mais praticadas.








O filme Dogging: A Love Story (2009) aborda este tema (clique aqui para assistir - em inglês). O longa produzido no Reino Unido, conta a história de um jornalista que se infiltra numa comunidade de “amantes” do norte da Inglaterra, onde seus integrantes gostam de ter relações sexuais em carros e observar uns aos outros. O jornalista decide investigar mais profundamente o grupo e se vê mais ligado a ele quando começa uma relação com uma das garotas da rede.

Andando pelo centro da cidade, no calçadão ou na orla da praia, muito se passa na cabeça da gente, principalmente quando cruzamos com aquele tesão em forma de gente. Contudo, nos limitamos apenas a olhar, contemplar aquela beleza e talvez guardar na memória, quando não temos a oportunidade de abordar. Afinal, não sabemos 'qual é a do cara'. Assim, os encontros combinados eventualmente através dos apps ou qualquer outra rede social, podem facilitar o acerto dos encontros casuais, nos intervalos do dia a dia, na hora do almoço, da folga, no happy hour, no banheirão, etc.

Além disso, na era da selfie (também vídeos íntimos) e da moda em publicar tudo e todas as experiências (exibicionismo digital), podemos considerar também como atrativo a pornografia gerada nesses encontros, gravada num simples celular.

O que casa novamente com o atual contexto de reality / real amador. Válido também para os grandes eventos como shows, manifestações, parada gay, carnaval ou qualquer muvuca que permita também uma sacanagem discreta ou totalmente escancarada, para todo mundo ver o então espetáculo erótico ou nem se dar conta.

Com a internet e os Face, Whats e Tinder, ficou mais fácil marcar encontros como estes, combinando antes o que vai ou não acontecer, onde e quando.

E já imaginou se fosse como nos beijaços, flah mobs e rolezinhos? Enfim, podemos dizer que o campo de pegação ficou mais amplo ou, pelo menos, mais assertivo. Afinal, cruzamos todos os dias com vários admiradores, sem nem saber, sendo as facilidades da vida conectada algo realmente relevante para isso.

Would you swipe? Tinder comes to life in TV advert



Clique aqui para ver mais Vídeos de Dogging:
Assista a vários Vídeos Pornô Gay com o tema Sexo em Público



Dogging Day Afternoon - Out in public

WTF HE JACKS OFF AT A PUBLIC TRAIN STATION

Csd 2007 berlin funny humor guy

These frat brothers cheer

Donde lo debes hacer antes de morir

backstreet fucking men - foda no beco

















 




9 comentários:

  1. Delicia, tenho 13 anos e queria poder chupar um pauzão gostoso assim ou ser metido no cu, quando tinha 7 anos eu e um amigo da minha tia viviamos chupando um ao outro, hoje não o vejo mais pq ele quase nunca vai na casa da minha tia, só estou esperando ele vir pra fuder com ele até gozar...


    Meu primo tbm q tinha 17 anos e eu tinha 8, ele pediu pra eu chupar ele, eu fiz um boquete gostoso pra ele no banheiro de casa, e ele gozou deliciosamente na minha boca, foi mt bom

    Slá, qm quiser trocar fotos ou videos dxa whats

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. oi tem skype face o meu skype dudulimajp
      meu blog bombadosclub qual teu nome?

      Excluir
    2. Cara, skype até daria más o pc fica na sala e dai é foda, whats até da pq fotos/videos e mais facil

      Mas qlqer coisa whats é 11 975562324

      Excluir
    3. teu cel é da tim? me manda um email p gente conversar
      dudulimajp@hotmail.com.br

      Excluir
    4. Tenho 15 anos me manda q eu te mando vcnaodevesaberquemeusou@hotmail.com

      Excluir
  2. porra j fiz isso no carnaval foi foda a galera muito louca trepando essa ultima foto ta foda quecuzao é esse ?

    ResponderExcluir
  3. Me amarro nessa prática, já fiz em muitos lugares.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi will mim chama no wthas 085985860498 por favor obrigado

      Excluir

Deixe aqui seu comentário ou envie sugestões, fotos e vídeos para homemrg@gmail.com